Bem-estar e proteção

Voltar para casa com o seu recém-nascido: como abordá-lo com calma

Conselhos para os novos pais

diventare genitori

Tornar-se pai ou mãe é sem dúvida um dos eventos mais importantes e alegres da vida, mas também traz grandes novos desafios.

Os novos pais sentem várias emoções diferentes e muitas vezes essas emoções são díspares. A alegria do nascimento de uma criança é acompanhada pelos desafios de lidar com grandes mudanças na vida quotidiana. Enquanto uma nova mãe pode temer não ter leite suficiente, um novo pai pode estar ansioso por achar que não é capaz de dar à sua família tudo o que precisa. Ou, enquanto mãe, pode ter medo de não ser capaz de ouvir o bebé a respirar à noite e o pai pode-se preocupar em não dormir e perder a clareza que precisará para funcionar durante o dia. Embora os medos das mães e dos pais possam não ser os mesmos, na realidade todos escondem um sentimento de inadequação e incerteza que leva os novos pais a sentir ansiedade durante o momento mágico de voltar para casa com seu recém-nascido.

Aqui estão algumas dicas sobre a melhor maneira de lidar com alguns dos principais medos ligados ao regresso a casa com o recém-nascido, bem como alguns conselhos sobre como superar essas preocupações.

 

Regras para voltar para casa com o seu recém-nascido:

  • ·A primeira regra é ter fé em si mesmo: tanto o instinto materno como o paterno existem, e isso ajudará a tornar o cuidado com o bebé natural e espontâneo, mesmo sendo a primeira experiência. Não tem de procurar ser perfeito: as crianças não precisam de super-pais, elas só precisam de muito amor e muita serenidade.
  • A segunda regra é não se assustar se o seu bebé chorar. Chorar é a principal maneira de um bebé comunicar as suas necessidades. Se estiverem com fome, cansados, molhados ou com dor de barriga, os bebés irão chorar. Os pais vão aprender a interpretar as razões do choro através de um processo de "sintonia" emocional, e também aprendem a acalmar o bebé.
  • A terceira regra é aprender a pedir e a dar ajuda. Se necessário, não tenha medo de "aproveitar" o apoio oferecido por uma avó ou um amigo para ajudar com as tarefas domésticas ou para fazer o jantar.
  • Não ceda à tentação de limpar e arrumar a casa quando o bebé está a descansar. Estes são na verdade os momentos em que deve descansar também. O cansaço pode levar a um aumento do medo e da ansiedade.
  • Finalmente, como lidar com o medo da alteração do seu estilo de vida? A resposta é: sem muita preocupação, vivendo o presente e tentando evitar que se sobrecarregue com pensamentos sobre o futuro. Aproveite os momentos preciosos com seu bebé, abraçando-o (ou abraçando-a!) e vendo-o sorrir enquanto dorme - deixe-se absorver no momento.

Sobre o mesmo assunto

TEMPO DE ENTREGA
Entrega em 3 dias úteis e em 40% dos casos em 1 dia!
SATISFEITO OU REEMBOLSO
Portes grátis a partir de 30€. Se não estiver satisfeito, é realmente fácil fazer a devolução.
RECOMENDADO
95% dos clientes recomendariam comprar na Loja Online.