Gravidez

Fitness e desportos durante a gravidez

Os conselhos adequados para treinar e permanecer em forma enquanto está grávida.

fitness in gravidanza

Exercício físico durante a gravidez? Recebe luz verde.

A gravidez não significa que tem de deixar de praticar exercício, a menos que sofra de uma condição com um particular risco associado que exija repouso absoluto. Pelo contrário, na maioria dos casos, o exercício é incentivado logo a partir dos primeiros meses porque ajuda com o tónus e elasticidade musculares, melhora a circulação e combate a retenção de líquidos nas pernas. No entanto, o desporto durante a gravidez deve ser praticado com moderação, sobretudo no primeiro trimestre quando sente mais o cansaço e as alterações hormonais.

Exercícios para a gravidez: atividades específicas para os primeiros meses.

As futuras mamãs podem frequentar o ginásio durante a gravidez desde que se limitem às atividades especificamente concebidas para a sua situação. São particularmente úteis os exercícios que fortalecem os músculos abdominais e lombares para a manutenção de uma postura correta à medida que a barriga cresce, por exemplo. É também importante reforçar os músculos do períneo, existindo para esse efeito exercícios especialmente concebidos. Aeróbica, saltos e trabalho intenso nos músculos devem ser evitados. O desporto mais encorajado no primeiro trimestre é a natação. Descontrai, não causa lesões nem exaustão e tonifica globalmente os músculos.

Relaxar e criar resistência na última fase

À medida que a gravidez avança, os movimentos começam a tornar-se limitados e a respiração torna-se mais difícil porque o diafragma se encontra comprimido. Está na altura de interromper os exercícios focados nos abdominais, que podem estimular contrações. A melhor aposta serão exercícios respiratórios ou exercícios de relaxamento e fortalecer os músculos lombares, que são cruciais para prevenir as dores lombares. Os exercícios na água são particularmente úteis e relaxantes nesta fase da gravidez. Tornam o corpo mais leve, os movimentos mais fáceis e a pressão hidrostática ajuda o sangue a retornar ao coração, melhorando a circulação nas pernas e atuando contra o inchaço e a sensação de peso.

Exercício durante a gravidez: sim, mas com cuidado

O exercício é uma boa ideia para as mulheres grávidas, mas é importante evitar alguns erros que podem colocar em perigo a saúde da mãe e do bebé. É por isso importante consultar um ginecologista antes de ser iniciada qualquer atividade física. Tem também de ocorrer uma mudança adequada na atitude nesta nova fase da vida, aceitando que não é possível agora o desempenho anterior à gravidez e que certos sinais – como contrações e falta de ar – não devem ser tratados com ligeireza. Devem também ser evitados desportos demasiado intensos ou que possam causar lesões. 

Também lhe pode interessar

Sobre o mesmo tema

Publicação

Publicação

Publicação